JESUÍTAS: 500 ANOS DE TRADIÇÃO E EXCELÊNCIA ASSINE NOSSA NEWSLETTER CONTATO

Esporte Futebol Mineiro

18/07/2009  |  domtotal.com

Atleticanos esgotam estoque de camisas do Estudiantes

Massa alvinegra não se cansa de comemorar o revés histórico sofrido pelo Cruzeiro no Mineirão

Rômulo Ávila

A torcida do Atlético-MG está feliz como há muito tempo não se via. Depois de ver o maior rival, o Cruzeiro, perder a final da Copa Libertadores da América para o Estudiantes, da Argentina, o Galo ainda sapecou o São Paulo e se manteve na liderança do Campeonato Brasileiro.

O resultado de tamanha euforia é uma enorme procura por camisas do Galo e, também, do Estudiantes em Belo Horizonte.

A camisa do time argentino virou artigo raro na capital mineira, antes mesmo da derrota cruzeirense. Vários atleticanos correram às lojas para comprar a camisa do Estudiantes, agora, tetracampeão da América.

Nos lojas dos shoppings da cidade, incluindo os populares, não há camisas do Estudiantes para vender. No Shopping Oiapoque, os poucos exemplares disponíveis em algumas bancas sumiram das prateleiras nas primeiras horas da quinta-feira (16), dia seguinte à decisão.

Em outro shopping popular, o Tupinambás, um vendedor disse que vendeu cem exemplares na quarta-feira, antes mesmo do confronto. “Tinha muitos atleticanos acreditando que o Cruzeiro perderia o título. Tanto que vendi 100 camisas na quarta-feira. Se eu tivesse um estoque com mil camisas, venderia tudo”, lamentou. Nas lojas de material de esportivo a história é a mesma.

Na falta do uniforme do clube argentino, muitos atleticanos estão comprando camisas nas cores vermelho e branco, como a do Internacional, de Porto Alegre. Outros compraram a camisa tradicional do Atlético e escreveram o nome do craque Verón, grande responsável por uma das piores derrotas celestes na história do Mineirão.

Bandeira e taça

A torcida do Galo vibrou também ao ver, nos principais sites do Brasil e da Argentina, fotos dos jogadores do Estudiantes saindo em carro aberto na cidade de La Plata, com uma bandeira do Atlético-MG.

Mas, no meio de tanta empolgação e alegria, tanto de atleticanos como de argentinos, os jogadores do Estudiantes quebraram a tão cobiçada taça de campeão. Na chegada à prefeitura de La Plata, não se via mais a miniatura do jogador de futebol no topo da troféu.

* Especial para o Dom Total



X Fechar







código captcha



Comentários

hugsmar costa | 11/09/2009 00:48
Caro Eugênio, suponho que voce seja cruzeirense, mas qual o problema de tirar sarro dos cruzeirenses, se não deu pra zoar a torcida celeste em razão das últimas derrotas sofridas pelo Galo, que a zoação seja através dos quenianos, dos pincharatas e de quem mais destruir o cruzeiro. *** "as marias" não tem preço! Saudações Atleticanas.
responder comentário Responder hugsmar costa
Eugenio Pacceli Teixeira | 18/07/2009 18:25
O Marketing do atlético tende a dar certo paraser conhecido internacionalmente. Primeiro paga a um queniano para segurar a bandeira no podium da são silvestre. Depois vai no mineirão colocar a bandeira no meio da torcida do estudiantes. Depois, deve ter pago algum trocado para o Veron segurar a bandeira no carro do corpo de bombeiros lá na argentina. Este é o verdadeiro marketing de tabela.
responder comentário Responder Eugenio Pacceli Teixeira



Outras notícias

Vídeos

Cameron anuncia medidas antiterroristas
Acervo de Entrevistas

Agenda Cultural

Cinema  |  Teatro  |  Shows
Filmes Sex Tape: Perdido na Nuvem (D)
"Sex Tape"
Comédia
1h37min.

Enquete

Qual time mineiro chegará mais longe na Copa do Brasil?

O Cruzeiro, pois tem o melhor time e elenco.
O Atlético, pois está com mais experiência em mata-mata.
Os dois clubes vão chegar à final, pois têm os melhores times.

Participe e concorra a prêmios.

TV DomTotal

Prof. Danilo Mondoni: Luzes do Cristianismo
Mais

Revista

Vol. 10 / Nº 19

CAPES: Qualis B1
Entre as melhores do Brasil